POLÍCIA CIVIL PRENDE HOMEM CONDENADO PELO CRIME DE FURTO QUE SE PASSAVA POR POLICIAL

POLÍCIA CIVIL PRENDE HOMEM CONDENADO PELO CRIME DE FURTO QUE SE PASSAVA POR POLICIAL
O acusado fingia ser policial civil e foi preso pela equipe de investigação da 2ª Delegacia de Polícia de Santana.
Por: Assessoria de Comunicação

 Foto: Polícia Civil

Nesta quarta-feira, 27, a Polícia Civil do Amapá, através da 2ª Delegacia de Polícia de Santana, prendeu Josielso Monteiro Lopes, de 33 anos de idade, em cumprimento de mandado de prisão preventiva pela prática do crime de furto.

O acusado foi denunciado por populares de que estaria passando-se por policial civil do Estado do Amapá e trabalhava na equipe de investigação da delegada Luiza Maia.

Segundo informações prestadas pela delegada Luiza Maia, o acusado usava esse argumento para facilitar relações com mulheres pela internet.

“Uma das mulheres que foi seduzida pelo acusado, que é conhecido por “Bonitinho”, procurou um dos agentes de polícia e informou o ocorrido. A vítima disse ainda que ele afirmava ser meu amigo muito próximo”, disse a delegada.

Diante dos fatos, a equipe de investigação identificou a identidade do acusado, através da linha telefônica utilizada por ele. Em seguida, foi verificado que Josielso encontrava-se com mandado de prisão em aberto, condenado pela prática do crime de furto a 4 anos, 4 meses e 15 dias.

Ao localizarem o acusado, os policiais civis realizaram a sua prisão. Na delegacia, Josielso foi interrogado com o objetivo de esclarecer o fato de se passar por policial civil membro da 2ª Delegacia de Polícia de Santana.

De acordo com as investigações, o acusado foi visto utilizando colete e arma de fogo. Contudo, ao ser preso, o mesmo não estava de posse desses objetos.

O acusado cumprirá a pena pelo crime de furto e, ainda, responderá pelo crime de falsa identidade

About the author

Related

Correio Amapaense - aqui a notícia chega primeiro